Ir para o conteúdo

Igreja de São Bento do Cortiço

Também já constante nas Visitações de 1534, a igreja de São Bento do Cortiço foi fundada em época desconhecida. Segundo Túlio Espanca, em 1424 existia já uma ermida em São Bento da Aldeia da Talha, o nome primitivo desta aldeia, que poderá ter sido curada posteriormente, dando origem a uma igreja paroquial.

De fachada simples e sóbria, esta igreja surpreende principalmente, no interior, pela grandeza desproporcionada dos seus altares colaterais, de mármore colorido de Estremoz, dedicados a Nossa Senhora do Rosário e às Almas. São da fase final do Rococó, cerca de 1780 segundo Túlio Espanca, e mostram-nos motivos variados, como águias estilizadas, aventais de palmas ou querubins engrinaldados.