Ir para o conteúdo

Cruzeiro do Convento das Maltesas

Esta peça de características marcadamente manuelinas, é talvez o melhor exemplar deste tipo em todo o Concelho e foi provavelmente construído em inícios do século XVI. Embora o fuste seja obra mais moderna, os braços são originais, com os motivos tipicamente manuelinos de laços encordoados e, no centro, um belo medalhão com as cenas da Crucificação e Piedade. Este motivo evidencia traços ainda da escultura do Gótico Final, mas revela uma elegância mais erudita.

Túlio Espanca afirma a possibilidade de este ter sido o cruzeiro original da Ermida de Nossa Senhora dos Mártires. Esta hipótese, no entanto, não está comprovada, baseando-se apenas em tradições orais.

Horário: Não visitável