Prémio Proteção Civil - Educação para o risco

 

 

A Autoridade Nacional de Proteção Civil pretende promover a Educação para o Risco, nas escolas, pelo que instituiu o Prémio PROTEÇÃO CIVIL – EDUCAÇÃO PARA O RISCO.

Transformar a Escola (dos diferentes graus e níveis de ensino) num agente de intervenção e num motor de mobilização da sociedade em matéria de Educação para o Risco, através dos alunos, das suas famílias e da restante comunidade educativa, é propósito de uma sociedade virada para o futuro. A Educação para o Risco pressupõe necessariamente uma Escola virada para a ação. Só a ação no seu contacto com a realidade nos dá a medida exata do que é o risco, de como se gere e minimiza, dos riscos que é proveitoso correr, da emoção de vencer o risco. Falamos sobretudo de uma Escola que estimula os seus estudantes e professores a agir, que os estimula a aceitar e a conceber desafios de toda a ordem, que os estimula a correr riscos e que reconhece o erro e o fracasso como algo normal e como parte inerente ao processo de aprendizagem.  

O Prémio Proteção Civil – Educação para o Risco, tem como finalidade identificar e valorizar publicamente as boas práticas de Escolas que desenvolvam iniciativas com caráter regular, ao longo do ano letivo, no âmbito da Educação para o Risco, seja através do seu Projeto Educativo, seja através de outras iniciativas devidamente planeadas.

Podem candidatar?se ao Prémio Escolas não agrupadas, agrupamentos de Escolas e estabelecimentos de ensino particular e cooperativo localizados em Portugal.

As candidaturas devem ser submetidas pela Direção da Escola ou do Agrupamento de Escolas, no caso de Escolas não agrupadas ou de agrupamento de Escolas, ou pela Direção Pedagógica, no caso de se tratar de estabelecimento de ensino particular ou cooperativo, até ao dia 31 de outubro de cada ano civil.

Para mais informações consulte o Regulamento