Medidas adicionais de contenção do coronavírus

 

Tendo em conta a evolução epidemiológica do COVID-19 no nosso País, as orientações da Direção-Geral de Saúde e as disposições legais decretadas pelo Governo, o Município de Estremoz entende adotar as seguintes medidas adicionais de contenção do novo Coronavírus:

1. Encerramento ao público de todos os parques infantis da responsabilidade do Município e recomendar às Juntas de Freguesia que adotem o mesmo procedimento nos parques infantis da sua responsabilidade direta;

2. Limitação do número de mesas nas esplanadas dos cafés e restaurantes do concelho para metade do número atualmente permitido;

3. Recomendar a todos os munícipes que efetuem o pagamento da água e outros serviços do Município por débito direto, transferência bancária, multibanco ou serviços online, evitando assim a deslocação de pessoas à Câmara Municipal;

4. Limitação do número de pessoas em simultâneo nos serviços que prestam atendimento ao público. Apenas será atendida uma pessoa de cada vez e as restantes deverão aguardar a sua vez no exterior do serviço, em fila e mantendo a distância mínima de segurança de um metro;

5. Limitação do atendimento presencial ao público, para fins meramente informativos, a casos urgentes, sendo o mesmo, sempre que possível, prestado via telefone ou email. O atendimento presencial ao público com fins não informativos será efetuado através de pré-agendamento, ficando limitado aos serviços que não podem ser prestados por via eletrónica e aos atos qualificados como urgentes.

Apesar do impacto social e económico que estas medidas possam ter no quotidiano de todos os Estremocenses, apela-se à compreensão de todos para a necessidade do seu cumprimento, tendo em conta a situação de vulnerabilidade em que o País se encontra face ao elevado risco que a propagação deste vírus representa para a saúde pública.

Uma vez mais se recomenda a todos os munícipes que adotem medidas de autoproteção, nomeadamente de isolamento social, higienização das mãos e das superfícies de contacto, evitando assim o contágio.

 

Estremoz, 16 de março de 2020