Faleceu o Coronel Andrade de Moura, um dos Capitães de Abril

 

Faleceu no passado dia 23 de março, por motivos de saúde, o Coronel Luís Fernando Andrade de Moura, um dos Capitães de Abril de 1974.

O então Capitão Andrade de Moura, regressado da Guiné em 1973, onde comandou uma das Companhias do Batalhão de Cavalaria 3854, e estando ligado ao "Movimento dos Capitães", foi colocado no Regimento de Cavalaria n.º 3 de Estremoz, como Oficial de Operações e Informações.

O RC3 era, à época, uma das Unidades mais fortes no País, devido ao volume de viaturas blindadas com que estava equipada, pelo que foi uma das peças fundamentais para o desencadear do "golpe" preparado pelo Movimento dos Capitães.

Na manhã do dia 25 de abril de 1974, foi sob o comando do Capitão Andrade de Moura que o Esquadrão do RC3 se dirigiu a Lisboa, até ao Quartel do Carmo, onde foi conseguida a rendição do Presidente do Conselho Professor Marcelo Caetano e foi proclamada a Liberdade.

O Coronel Luís Fernando Andrade de Moura, que nasceu a 6 de maio de 1933 e completaria 87 anos, foi uma importante figura da nossa História Contemporânea e uma pessoa que sempre esteve ligado ao Regimento de Cavalaria n.º 3 e à nossa cidade, pelo que o Município de Estremoz lhe presta desta forma homenagem, apresentando à sua família as mais sentidas condolências.