Comunicado sobre situação meteorológica adversa: precipitação/ventos fortes

 

No seguimento da nota informativa do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, de 12 de dezembro, prevê-se para a tarde e a noite do próximo dia 14 de dezembro, sexta-feira, nas regiões do Centro e Sul, períodos de chuva, por vezes forte.

Nas terras altas, o vento soprará muito forte, com rajadas que podem atingir 90 km/h.

 

A Câmara Municipal e o Serviço Municipal de Proteção Civil recomendam à população a tomada das necessárias medidas de prevenção e precaução, tendo em conta os seguintes efeitos expectáveis:

1. Piso rodoviário escorregadio e eventual formação de lençóis de água.

2. Possibilidade de cheias rápidas em meio urbano, por acumulação de águas pluviais.

3. Possibilidade de inundação por transbordo de linhas de água nas zonas historicamente mais vulneráveis.

4. Danos em estruturas montadas ou suspensas.

 

O Serviço Municipal de Proteção Civil recorda que o eventual impacto destes efeitos pode ser minimizado, sobretudo pela adoção de comportamentos adequados, pelo que recomenda a observação e divulgação de medidas de autoproteção para estas situações, nomeadamente:

1. Estar atento às informações da meteorologia e às indicações da proteção civil.

2. Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e a retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculo ao livre escoamento das águas.

3. Adotar uma condução defensiva, reduzindo a velocidade tendo especial cuidado com a possível formação de lençóis de água nas vias.

4. Não atravessar zonas inundadas, de modo a precaver o arrastamento de pessoas ou veículos para buracos no pavimento ou caixas de esgoto abertas.

5. Garantir uma adequada fixação de estruturas soltas, nomeadamente, andaimes, placards e outras estruturas suspensas.

6. Garantir a desobstrução dos sistemas de escoamento das águas pluviais e retirada de inertes e outros objetos que possam ser arrastados ou criem obstáculo ao livre escoamento das águas.

 

A Câmara Municipal de Estremoz e o Serviço Municipal de Proteção Civil recomendam a colaboração de todos e estarão atentos ao desenvolvimento desta situação de instabilidade meteorológica.