Tanque dos Mouros

Estrutura hidráulica romana situada a sul da cidade, cortada pela N4 e servindo actualmente de campo de forragem para gado.

Construído em opus incertum (técnica de construir muros fazendo recurso a pequenas pedras de formato irregular), tem aproximadamente 90 metros de comprimento e 45 de largura.

Existe ainda um canal subterrâneo que conduziria a água para a zona a sul da Ermida de Nossa Senhora dos Mártires, local com grande profusão superficial de material de construção romano. Adossados ao muro Sul do tanque existem duas câmaras que, segundo Quintela, Cardoso e Mascarenhas, poderão ter funcionado como dois moinhos de eixo vertical com rodízio para produção de força motriz.